Announcement
Announcement

Grupo investigativo dos “Papéis do Panamá” está entre os beneficiados pelos investimentos de US$ 100 milhões da Omidyar Network para reduzir o déficit de confiança

April 5, 2017

A empresa filantrópica de investimentos Omidyar Network intensifica o apoio à mídia independente para combater a divulgação de informações falsas e a proliferação de discursos de ódio, além de estimular o engajamento dos cidadãos com os governos

OXFORD, Reino Unido (5 de abril de 2017) -- A Omidyar Network, empresa filantrópica de investimentos criada pelo, fundador do eBay, Pierre Omidyar, anunciou hoje no Fórum Mundial Skoll o compromisso de investir US$ 100 milhões para enfrentar algumas das causas do déficit de confiança global. O investimento será feito ao longo dos próximos três anos, com o objetivo de fortalecer a mídia independente e o jornalismo investigativo, combater a divulgação de informações falsas e a proliferação de discursos de ódio, e incentivar um maior engajamento de cidadãos com os governos em questões críticais. O investimento apoiará iniciativas no mundo todo.

O Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos, grupo responsável pela investigação dos “Papéis do Panamá”, no ano passado, será um dos primeiros beneficiados da iniciativa. O grupo receberá fundos de até US$ 4,5 milhões durante três anos para expandir suas reportagens investigativas.

“Em todo o mundo, observamos o preocupante ressurgimento de políticas autoritárias que estão abalando os avanços em direção a uma sociedade mais aberta e inclusiva”, afirmou Matt Bannick, Managing Partner da Omidyar Network. Segundo o executivo, “a falta de receptividade governamental e a crescente desconfiança nas instituições, sobretudo na mídia, estão corroendo a confiança. Cada vez mais, os fatos são menosprezados, as informações falsas são disseminadas, a responsabilidade é ignorada, e os canais pelos quais os cidadãos se manifestam estão sendo interrompidos. Estas tendências não podem virar regra, e precisamos proteger os princípios da transparência, da participação e da responsabilidade. Estas são as bases de uma sociedade democrática saudável”.

Eventos recentes, tais como o desligamento do Reino Unido da União Europeia, a eleição presidencial nos Estados Unidos e os níveis atuais de corrupção no mundocorroeram a confiança do público nas instituições, nos especialistas e nos meios de comunicação. O ambiente da desinformação, dos “fatos alternativos” e da “pós-verdade” causou graves danos. O Barômetro de Confiança Edelman de 2017 revelou que dois terços dos 28 países pesquisados são agora “descrentes”, o que significa que menos de 50% dos entrevistados de um determinado país acreditam na atuação correta de instituições empresariais, governamentais, da mídia ou ONGs. Além disso, a Edelman apontou que a confiança na mídia diminuiu acentuadamente, com veículos de mídia como alvo de desconfiança em 82% dos países.

Ao longo dos últimos dez anos, a Omidyar Network tem apoiado a mídia independente, o jornalismo investigativo e as empresas de verificação de informações em todo o mundo. Entre os grupos que receberam  investimentos estão o vencedor do prêmio Emmy Insight TWI: The World Investigate,  o Innovate Africa, que se dedica a melhorar a qualidade e o impacto do jornalismo na África; e o Chequeado, o primeiro site de verificação de  fatos da América Latina.

Stephen King, parceiro e líder global da Iniciativa de Governança e Engajamento do Cidadão da Omidyar Network, acrescentou: “A mídia livre e independente é vital para garantir informações confiáveis e análises críticas sobre aqueles que ocupam posições de poder. Estamos aumentando nosso apoio a esse trabalho para garantir o crescimento e o avanço do processono mesmo ritmo dos desafios que a sociedade vem enfrentando. Estamos, portanto, muito felizes em poder oferecer ao Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos um fundo de US$ 4,5 milhões. O investimento permitirá à organização ampliar suas investigações e revelar ainda mais casos de abuso de poder e de corrupção  que corroem os níveis de confiança”.

Gerard Ryle, diretor do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos, comentou: “Em uma época em que autocratas, demagogos, criminosos, empresários de caráter duvidoso e outros personagens questionáveis visam enriquecer e aumentar o poder às custas da sociedade, é mais importante do que nunca que os jornalistas atuem independentemente, como os olhos e ouvidos do mundo, revelando casos de corrupção e outras transgressões. Cada vez mais, esse tipo de trabalho vital só é possível graças ao setor sem fins lucrativos. O apoio de organizações  como a Omidyar Network nos permite continuar a realizar projetos investigativos inovadores e apartidários que geram um impacto real e mensurável em comunidades em todo o mundo”.

As primeiras organizações e iniciativas a serem beneficiadas pelos fundos da Omidyar Network estão listadas abaixo. Mais investimentos e  fundos serão anunciados nas próximas semanas.

  • Aliança Latino-americana para a Tecnologia Cívica (ALTEC) - Projeto lançado este ano pela Omidyar Network, Fundação Avina e Avina Américas para apoiar o desenvolvimento e a promoção de plataformas de tecnologia cívicas inovadoras que estimulem o engajamento cívico, fortalecendo assim a democracia e ampliando a transparência e a prestação de contas públicas.
  • Liga Antidifamatória (ADL, na sigla em inglês para Anti-Defamation League) – fundada em 1913, a ADL é a principal organização mundial de combate ao antissemitismo por meio de programas e serviços que enfrentam o ódio, o preconceito e a intolerância. Com o apoio inicial da Omidyar Network, a ADL construirá uma central de comando de última geração no Vale do Silício, para combater a crescente ameaça da disseminação do ódio através da internet.
  • Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICJI, na sigla em inglês para International Consortium of Investigative Journalists) - Uma rede de mais de 190 jornalistas investigativos de mais de 65 países que colaboram para divulgar problemas globais como a criminalidade entre fronteiras, a corrupção e a irresponsabilidade no poder. No ano passado, o ICJI revelou os “Papéis do Panamá”, um acervo com 11,5 milhões de documentos internos vazados da empresa Mossack Fonseca que revelaram a constituição de empresas no exterior com ligações com fraudes, evasão fiscal e evasão de sanções internacionais.

O investimento anunciado faz parte dos mais de US$ 220 milhões que a Omidyar Network já dedicou, nesta década, à sua Iniciativa de Governança e Engajamento do Cidadão, com o objetivo de promover a transparência e a prestação de contas dos governos. 

 

BACK TO NEWSROOM
It looks like there's some information missing
By clicking, you agree to the Terms and Conditions

Announcement

Omidyar Network Welcomes LeapFrog as Co-Investor in Cignifi

Omidyar Network is pleased to welcome LeapFrog Investments as co-investors in Cignifi, a big data platform powering large-scale financial inclusion.

READ ON

Article

Aadhaar-based businesses catch the eye of impact investors

Roopa Kudva talked with Business Standard about Omidyar Network's investments in businesses using elements of the India Stack.

READ ON

Article

Financial Supervision Is Set for Digital Transformation

In a piece published to Lets Talk Payments, Smita Aggarwal and Kabir Kumar share insights on the digital transformation occurring in financial supervision

READ ON